In the end it's all nice

segunda-feira, abril 17, 2006

Podres na estante de cds

Todos nós temos podres na nossa estante de cds. Eu sabia que tinha um, do qual me desfiz prontamente (mais ou menos...) e não vou dizer qual era... Era muito embaraçoso.
Ora ontem descobri um outro. Falo de um Best Of... argh... até me custa dizer... Quinta do Bill.
Vá... isto são influências das queimas das fitas, semanas académicas. Não sejam mauzinhos comigo e se quiserem pra eu me sentir um pouco melhor desafio-vos a colocarem os vossos podres aqui!

11 Comments:

Blogger Zorn John said...

Alexander O'Neall, esse grande senhor da musica ligeira amaricana ;D

4:06 da tarde, abril 17, 2006

 
Blogger Kraak/Peixinho said...

Alison Moyet, Best of Cock Robin, entre outros disparates. Tb tenho Quinta do Bill (Sem Rumo). LOLL.

2:00 da manhã, abril 18, 2006

 
Blogger filipa said...

uma das benesses de ser emigrante... os podres ficaram para tras, agora e tudo bom e tudo se ouve :D
quinta do bill e uma forma de manifestacao musical que me repugna a um ponto inexplicavel.
e sempre deles que me lembro quando penso qual a pior banda do mundo inteiro. aquele violino... tsc tsc tsc

4:52 da manhã, abril 18, 2006

 
Blogger Ani said...

E, portanto, seríamos todos melhores pessoas se ninguém gostasse, ou sequer tivesse ouvido falar de Quinta do Bill? (muito menos ter em casa…blharc…)
Será que nos temos mesmo de envergonhar por gostar de que música for?
E se eu gostasse de Quinta do Bill, estaria proibida de comentar este blog, pela repugna que poderia causar?

Peço desculpa, mas se há coisa que sempre me fez muita confusão, foi pensarmos que algo nos dá o direito de intitular seja o que for de podre, ou mau, só por não ser do nosso agrado, é uma forma muito acentuada de intolerância, presente, e muito, em muitos blogues que pelos vistos, descobriram a verdade universal do bom gosto musical.

Não é de todo objectar que cada pessoa tem direito à sua opinião, mas, o que por vezes me faz alguma confusão, é a forma como esta é expressada…demonstra intolerância, o que demonstra tacanhez…o que vai muito contra a ideia que tenho de vós, daí este comentário…

Digam-me iluminados da música universal, de que tipo de música posso gostar ou não, para não ser intitulada de amante de coisas podres? :)

Nada pessoal, sabem que gosto muito de vocês e do vosso blog, mas há coisas em que uma gaja se enerva e não pode ficar calada… :)

(Há o pontapé...e há a boca...inspira...1,2,3,4,5...expira...6,7,8,9,10...)

:)

Beijinhos

9:57 da manhã, abril 18, 2006

 
Blogger Mr. S said...

Cara ani, peço desculpa mas aqui a intolerante é a menina pois não tolera que sejamos intolerantes! Depois não quer q o pontapé e a boca não se relacionem! ;)

12:35 da tarde, abril 18, 2006

 
Blogger Kraak/Peixinho said...

Há mais coisinhas tb do piorio: Sitiados, Mark Knopfler, 3 Doors Down, etc. LOLLL

Mr. S, a Ani está bem?

Não é vergonha, tanto não é, que andamos aqui a relatar o que ainda rola pelas prateleiras. Tudo teve o seu tempo, tudo soava diferente e tínhamos menos acesso às coisas que hoje temos.

5:22 da tarde, abril 18, 2006

 
Blogger myself said...

Pronto...as minhas prateleiras já tiveram os cd´s dos Korn...
(fui obrigada a escrever isto..)
mas já os troquei por BONS á muito tempo...

8:06 da tarde, abril 18, 2006

 
Anonymous o dono da loja said...

Como também sou emigrante, o único CD (não pirateado - come and get me, you bastards!) que tenho por aqui é o "Best of" dos Stone Roses. Mas se pensar nas coisas que lá estão por casa em Lisboa... hum... nesta altura do campeonato não sei porque é que lá pára o CD de Tribalistas! :S
Custa-me admiti-lo, mas como a ani diz que eu não sou pior pessoa por isso, não há problema! ;)

6:44 da tarde, abril 19, 2006

 
Blogger Zorn John said...

Já não brinco com quem tem Quinta do Bill! É que não se admite e demonstra uma farçoleira do camandro! Viva o elitismo! Ou será o etilismo?!?... ;)

1:08 da tarde, abril 20, 2006

 
Blogger O Puto said...

Os meus CD's não apodrecem pois são de plástico e metal, substâncias inorgânicas. Aqueles que considero os piores continuam a ser bons.
Quinta do Bill?! Foi preciso coragem para admitir. De qq forma, vou começar a olhar-vos de lado.

7:56 da tarde, abril 24, 2006

 
Anonymous Anónimo said...

Your blog keeps getting better and better! Your older articles are not as good as newer ones you have a lot more creativity and originality now keep it up!

7:48 da tarde, janeiro 08, 2010

 

Enviar um comentário

<< Home

 
online